A volta do mata-mata no Campeonato Brasileiro pode estar mais próxima do que pensávamos


 A discussão Mata-Mata vs Pontos Corridos nunca esteve tão próxima de uma vitória do 'antigo modelo'. Se antes os pontos corridos eram predominantes por vitórias no W.O, já que os defensores do Mata-Mata pareciam se esconder e não fazerem a minima questão de defender suas ideias para o formato da competição, agora a coisa mudou. Passaram-se mais de 10 anos do Campeonato Brasileiro no atual formato até aparecer Romildo Bolzan Jr., presidente do Grêmio, que foi o primeiro a levantar esta bandeira e conseguir, enfim, por o assunto de volta a pauta. E agora, como publica a Folha de São Paulo, ele não esta mais sozinho e tem a maioria dos clubes da elite do futebol brasileiro ao seu lado.

A mudança na fórmula do campeonato já pode acontecer para a edição de 2016 da competição. A proposta apresentada pelo Grêmio, é de um torneio em que se mantenham as 38 rodadas, e turno e returno, que temos hoje disputadas por pontos corridos, com classificados para as Copas Sul-Americana e Libertadores, mas com a inclusão de jogos eliminatórios na reta final do Campeonato Brasileiro para poder conhecer o campeão. Alguns clubes preferem que apenas haja um confronto entre primeiro e segundo colocado e outros preferem semifinais entre os quatro primeiros.


"O formato com mata-mata tem emoção, é mais agradável e desperta o interesse do público", afirma Modesto Roma Jr., presidente do Santos defendendo a ideia. A CBF não pretende se posicionar para algum dos lados e já afirmou que a decisão fica na mão dos clubes.

"Nossa posição é a dos clubes, seja qual for. Mas não tenho a impressão de que há um movimento organizado para mudar. Não fui procurado sobre isso", declarou Marcelo Campos Pinto, diretor de esportes da TV Globo, que detém o direito de transmissão.

As Organizações Globo estão divididas quanto o assunto, ainda segundo a reportagem da Folha, pois enquanto a TV Globo sobre com baixa audiência em seu principal(e caro) produto, os canais a cabo como SporTV e o Premiere(pay-per-view) preferem o atual formato devido a venda dos pacotes. E é por este motivo que o projeto do Grêmio parece agradar a ambos, já que terá a manutenção das 38 rodadas, o que também agrada os canais por assinatura.

O primeiro a levantar a questão do mata-mata recentemente não foi o presidente do Grêmio e sim o presidente da Federação Baiana de Futebol, Ednaldo Rodrigues, que não teve grande força e repercussão pela sua ideia mais radical de eliminar os pontos corridos e dividir 24 participantes(quatro a mais do que no formato atual) em dois grupos, depois acontecer às oitavas, quartas e semifinais até chegar a final.

Os principais 'parceiros' de Romildo Bolzan Jr. em seu projeto são o santista Modesto Roma Júnior e Eurico Miranda, do Vasco, que assim como na Federação Carioca tem influência na CBF. Querem a volta dos pontos corridos(como você pode ver na acima): Chapecoense, Fluminense, Goiás, Joinville, Grêmio, Ponte Preta, Santos, Vasco, Corinthians, Atlético-MG e Palmeiras, ou seja, a questão está ficando mais madura e o desenrolar desta história promete. Já o Atlético-PR, Avaí, Cruzeiro, Internacional e São Paulo são contra a volta do mata-mata e querem a permanência da formula atual. Ficaram 'em cima do muro', pois ainda não tem opinião formada sobre o assunto: Coritiba, Figueirense, Flamengo e Sport.

E ai, o que você acha sobre a possível volta do mata-mata?

Apesar de Robinho e Souza, Dunga apresenta uma lista coerente para os amistosos diante da França e do Chile


 Nesta quinta-feira, Dunga anunciou sua lista de convocados para os amistosos da Seleção Brasileira diante da França e do Chile, que acontecerão nos dias 26 e 29 de março, respectivamente. Entre os 23 jogadores, cinco atuam no Brasil, entre eles os goleiros Jefferson e Marcelo Grohe, os volantes Elias e Souza, e também o atacante Robinho. Destes citados questiono a presença do volante são-paulino, este que não vem apresentando futebol para estar nesta lista, ainda mais quando estão presentes jogadores que fazem função semelhante no elenco.

Robinho pode ser importante para este trabalho de Dunga visando a preparação dos jogadores mais inexperientes com a amarelinha para Copa de 2018, ''em minha lista ideal'' para a Seleção, Robinho não estaria lá, mas entendo a sua presença na lista. Já Diego Tardelli terá que começar a provar destes próximos dois amistosos se irá conseguir atuar em alto nível mesmo jogando no futebol chinês.

Veja a lista de convocados:

Goleiros: 
Jefferson (Botafogo)
Marcelo Grohe (Grêmio)
Diego Alves (Valencia)

Zagueiros: 
David Luiz (Paris Saint-Germain)
Marquinhos (Paris Saint-Germain)
Thiago Silva (Paris Saint-Germain)
Miranda (Atlético de Madrid)

Laterais:
Fabinho (Monaco)
Marcelo (Real Madrid)
Filipe Luís (Chelsea)
Danilo (Porto)

Meio-campistas: 
Luiz Gustavo (Wolfsburg)
Fernandinho (Manchester City)
Elias (Corinthians)
Souza (São Paulo)
Oscar (Chelsea)
Roberto Firmino (Hoffenheim)
William (Chelsea)
Philippe Coutinho (Liverpool)

Atacantes: 
Diego Tardelli (Shandong Luneng)
Robinho (Santos)
Douglas Costa (Shakhtar Donetsk)
Neymar (Barcelona).

O adeus de um ídolo! Léo Moura se despede do Flamengo após dez anos


 Apenas um amistoso diante do Nacional do Uruguai não é suficiente para homenagear o tamanho de Léo Moura para a história do Flamengo! Até entendendo as criticas ao seu futebol apresentado nas últimas temporadas, porém a torcida entendeu que uma história de dez anos defendendo um escudo não pode ser desprezada ou mesmo diminuída, ainda mais quando este participou das conquistas mais importantes do clube durante sua passagem e ainda foi o capitão e importante líder da equipe.

Na noite desta quarta-feira, Leonardo da Silva Moura entrou em campo pela última vez com a camisa do Flamengo, e ajudou o Fla a vencer por 2 a 0 o time uruguaio. O lateral direito teve a honra de ser homenageado pelo seu ídolo, o maior do clube, aquele que o inspirou a defender as cores vermelho e preto. Zico estava no Maracanã assim como em sua famosa foto a décadas atrás.

Aos 36 anos, Léo Moura entrou em campo 519 vezes com a camisa do Flamengo, foram 47 gols e oito títulos conquistados, entre eles: Campeonato Brasileiro (2009), Copa do Brasil (2006 e 2013) e Carioca (2007, 2008, 2009, 2011 e 2014). O jogador ainda é o sétimo com mais atuações na história do clube.

O amistoso foi às 22h de uma quarta-feira, e mesmo assim 30.620 torcedores rubro-negros foram ao Maracanã para dar adeus ao jogador, que vai jogar nos Estados Unidos, mais especificamente no Fort Lauderdale Strikers. Em uma época em que os ídolos do futebol brasileiro saem muito cedo do país ou mesmo aceitam a primeira proposta após se destacar durante apenas um ano, temos que valorizar jogadores como Léo Moura, que chegou a vestir a camisa da Seleção Brasileira e recusou propostas do exterior para permanecer em seu time de coração.


Veja os melhores momentos de Léo Moura com a camisa do Flamengo:

Trio de ataque brilha, Barcelona vence o Villarreal por 3 a 1 e chega a final da Copa do Rei

Villarreal 1 x 3 Barcelona
 Não deu para o Villarreal! O time até teve um fio de esperança diante de sua torcida, porém os gols de Neymar e Suárez acabaram com a festa e decretaram a já esperada classificação do Barcelona para a final da Copa do Rei da Espanha. Os comandados de Luis Enrique enfrentam o Athletic Bilbao na final, este que eliminou o Espanyol.

Após o 3 a 1 no jogo de ida, o Villarreal não entregou o confronto e até fez um bom inicio de partida, assuntando o time visitante e pressionando-os na saída de bola. Porém a empolgação acabou resultando em muitos espaços para o Barça, e como você já sabe, é algo muito perigoso de se deixar acontecer. Contra-ataque rápido e Suárez tocou para Messi, e o argentino cruzou para Neymar se antecipar a Asenjo e abrir o placar. Apenas três minutos de jogo e o confronto já estava praticamente definido e o Villarreal sentiu o 'baque'.

Com a força da torcida, o time voltou a partida e até empatou o jogo, com o gol de Jonathan dos Santos, aos trinta e nove minutos do primeiro tempo. Na etapa complementar o time não voltou com a mesma força do inicio da partida, e com a expulsão de Pina, aos dezenove minutos, a situação ficou insustentável. Novo contra-ataque e Suárez recebeu lançamento de Mascherano, o uruguaio driblou o goleiro e marcou o segundo do time catalão.

Já com a classificação nas mãos, Neymar aproveitou para fechar o caixão do 'Submarino Amarelo', com um gol de cabeça aproveitando a marcação frouxa na defesa adversária. Antes da final da Copa do Rei, o Barcelona terá tempo para se dedicar a Uefa Champions League e ao Campeonato Espanhol.

Diante de sua torcida no Mineirão, Cruzeiro não sai do 0 a 0 contra o Huracán e acumula segundo empate


 O Cruzeiro perdeu diversos jogadores titulares, o time é praticamente todo novo e o técnico Marcelo Oliveira visivelmente ainda terá muito trabalho pela frente para arrumar o elenco, que neste inicio de temporada ainda não inspira muita confiança. Após empatar sem gols com o Universitário de Sucre na Bolívia em sua estreia, o time Celeste recebeu o Huracán no Mineirão com a esperança de conquistar a primeira vitória no torneio sul-americano, mas não deu e mais uma vez o 0 a 0 não saiu do placar.

Os argentinos do Huracán não vão nada bem no torneio nacional, amarga apenas a décima oitava colocação e só chegou a esta Libertadores da América 2015 após a conquista da Copa da Argentina, pois estava na segunda divisão. Além de tudo isto o Cruzeiro dominou o jogo, teve as melhores chances, ficou mais tempo com a bola, mandou bola na trave e também teve gol anulado de maneira equivocada mas não condenável, pois o lance era complicado. Apesar destes fatores, não foi fácil balançar as redes do time argentino, faltou paciência e criatividade para os donos da casa saírem com a vitória, talvez tentar lances de habilidade na entrada da área, como fez De Arrascaeta, e chutar mais vezes de fora da área, como fez Judivan, poderia facilitar a batalha contra a defesa do Huracán.

Em boa parte dos 90 minutos de partida, o penta-campeão argentino se limitou a segurar o jogo e tentar surpreender num contra-ataque, mas sem fazer grande esforços em contruí-lo, somente em amarrar a partida e conseguir sair de Belo Horizonte pontuando. As chances do Huracán só vieram no segundo tempo, quando o Cruzeiro dava mais espaços pela necessidade da vitória.

Com o empate, o Cruzeiro conquista seu segundo ponto em duas partidas na Libertadores e ocupa a terceira colocação do Grupo 3, com a mesma pontuação do Huracán e dois pontos a menos que o líder da chave, Universitario Sucre. A lanterna fica com o Mineros da Venezuela, com apenas um ponto, e que será o próximo adversário dos comandados de Marcelo Oliveira na competição, na quinta-feira 19/03, no estádio CTE Cachamay. Antes o time tem compromissos pelo Campeonato Mineiro, no próximo final de semana terá clássico contra o Atlético-MG no Mineirão.

''O STJD é o órgão mais abjeto e nojento do mundo", dispara dirigente gremista


 Em decisão do STJD na última sexta-feira, foi arquivado o processo que investigava Ricardo Graiche, um de seus auditores que foi acusado de postar injúrias racistas no seu Facebook. O mesmo auditor condenou o Grêmio no ano passado pelo conhecido caso da exclusão da Copa do Brasil. Após o auditor sair impune, o diretor jurídico gremista, Nestor Hein, afirmou que deverá comparecer ao tribunal carregando um prendedor nasal por causa de seu "mau cheiro" e por ser um órgão ''abjeto e nojento''.

"Vou ter de comparecer com um prendedor nasal em virtude de seu mau cheiro. Não temos força contra o teatro que são aqueles julgamentos. É o órgão mais abjeto e nojento do mundo", declarou Nestor Hein ao site ESPN.com.br.

"O Grêmio foi julgado, apedrejado pelas pessoas e viu sua torcida ser estereotipada até mesmo em horário nobre. Agora, fazem isso em uma ação de compadres - ou ‘compadrio', como falam aqui em Porto Alegre. É horrível trabalhar com essa gente, com esse Paulo Schmidt (procurador-geral do STJD), corajoso apenas com os clubes de menor força política, mas, salvo exceções, temos que viver com essas figuras lamentáveis", completou.

No julgamento da última sexta-feira, seis auditores participaram e três deles absolveram Ricardo Graiche, enquanto os outros três votaram apenas por uma ''advertência''. Na avaliação do presidente do STJD, Caio César Rocha, os empates nos votos devem favorecer o réu, e assim Graiche foi absolvido.

Graiche pediu afastamento do tribunal no ano passado, após a imensa repercussão negativa de suas postagens. Os auditores consideraram o tempo de licença solicitado como uma punição suficiente para o caso.

"Devemos imaginar o seguinte: na tranquilidade de seu lar, o sujeito mexe com uma criança negra e um homem negro sem estar sendo assediado por ninguém. Teríamos de fazer toda uma reflexão. Mas esse é um tribunal hipócrita", concluiu Nestor Hein à ESPN.

Para deixar os jogadores brasileiros com inveja! Veja o ''teatro'' de Oleksandr Noyok


 Oleksandr Noyok, anote este nome ucraniano que você poderá ver daqui a algum tempo em alguma série de TV ou mesmo em algum filme, pois mostrou um grande ''talento'' tentando fingir uma lesão na partida entre Metallurg Donetsk e Karpaty Lviv, pelo Campeonato Ucraniano.

Noyok defende o Metallurg, e já no final da partida caiu no gramado e começou a se debater para todos os lados de uma mameira estranha e muito cara de pau. Após ninguém prestar muita atenção em seu teatro, o jogador se levantou como se nada tivesse acontecido e continuou o jogo. A partida acabou empatada por 1 a 1... Quando pensar que nenhum outro jogador faz mais teatro que os brasileiros, lembre-se do ucraniano Oleksandr Noyok.

Veja a grande atuação abaixo:

Brasileirão 2015 já começa com São Paulo x Fla, Cruzeiro x Corinthians e Palmeiras x Galo, veja a tabela completa


 Nesta segunda-feira foi divulgada a tabela completa do Campeonato Brasileiro 2015, e com jogos de peso já na primeira rodada e com uma última rodada mais 'morna', ainda continuamos ''órfãos'' dos ótimos clássicos na última rodada, que davam o minimo de emoção para partidas na reta final que não valiam muita coisa. Em reunião na sede da CBF, também foi definido que o atraso de salários pode resultar em perda de pontos na competição. Os jogadores poderão recorrer também a Justiça Desportiva por esta falta de pagamento, não só a Justiça comum como anteriormente.

O Cruzeiro, atual bi-campeão brasileiro, irá começar sua caminhada em busca do tri contra o Corinthians, que foi uma pedra no sapato no ano de 2014; Já o São Paulo, vice-campeão brasileiro em 2014, estreia contra o Flamengo no Morumbi; O Internacional, terceiro colocado, mede forças diante do Atlético-PR na Arena da Baixada; De volta a elite do futebol brasileiro, o Vasco incia sua caminhada recebendo o Goiás em São Januário. O campeão da Série B 2014, o Joinville, enfrenta o Fluminense fora de casa. Também teremos nada mais que um Palmeiras x Atlético-MG na Allianz Parque, Grêmio x Ponte Preta na Arena, Avaí x Santos na Ressacada, Sport x Figueirense na Ilha do Retiro e Chapecoense x Coritiba na Arena Condá.

As partidas da primeira rodada serão disputadas nos dias 9 e 10 de maio, e os horários ainda não estão definidos pois dependem da TV.

Abaixo você pode conferir as três primeiras e a última rodada, clicando no link poderá ver todas em PDF ''oficial'' da CBF.


1ª rodada (09/05 e 10/05)
São Paulo x Flamengo
Palmeiras x Atlético-MG
Fluminense x Joinville
Vasco x Goiás
Grêmio x Ponte Preta
Cruzeiro x Corinthians
Avaí x Santos
Atlético-PR x Internacional
Sport x Figueirense
Chapecoense x Coritiba
2ª rodada (16/05 e 17/05)
Corinthians x Chapecoense
Santos x Cruzeiro
Ponte Preta x São Paulo
Flamengo x Sport
Internacional x Avaí
Atlético-MG x Fluminense
Figueirense x Vasco
Coritiba x Grêmio
Goiás x Atlético-PR
Joinville x Palmeiras
3ª rodada (23/05 e 24/05)
São Paulo x Joinville
Palmeiras x Goiás
Fluminense x Corinthians
Vasco x Internacional
Grêmio x Figueirense
Cruzeiro x Ponte Preta
Avaí x Flamengo
Atlético-PR x Atlético-MG
Sport x Coritiba
Chapecoense x Santos


38ª rodada (06/12)
Corinthians x Avaí
Santos x Atlético-PR
Ponte Preta x Sport
Flamengo x Palmeiras
Internacional x Cruzeiro
Atlético-MG x Chapecoense
Figueirense x Fluminense
Coritiba x Vasco
Goiás x São Paulo
Joinville x Grêmio

Veja a tabela completa clicando AQUI

Após vitória no clássico, atacante Bill provoca Marcelo Cirino: ''Ele só sabe correr''


 Antes do clássico desde domingo, ainda na semana passada, o atacante botafoguense Bill afirmou que marcaria diante do Flamengo no Maracanã. Em sua mesma declaração, o atacante ainda provocou falando que Marcelo Cirino não balançaria as redes, o jogador Rubro-negro respondeu também duvidando do atleta rival. O gol não aconteceu, mas o jogador saiu vitorioso no clássico.

Logo após a partida, Bill foi novamente questionado e afirmou que: ''Marcelo Cirino só sabe correr''. A rivalidade já esquenta para o próximo clássico, que se acontecer será já na fase final do Campeonato Carioca. Troca de brincadeiras saudáveis que animam o clássico e que são fundamentais para o futebol.

Aos ''politicamente corretos'' que ficaram indignados e afirmam que isto desperta a 'violência entre as torcidas' nos resta ignora-los e lamentar por estes mesmos que preferem aquelas declarações sem graça e padronizadas que nos já nos acostumamos a ouvir e ignorar, pois não há nada o que fazer com os sujeitos que adoram 'terceirizar' a culpa do ser humano.

No Gre-Nal com torcida mista, os times preferiram não mudar os protagonistas da partida

Internacional 0 x 0 Grêmio
 O Gre-Nal sempre é um jogo truncado, muito disputado e que a cada bola disputada o jogador dá o máximo de si, pois está diante do maior adversário, está jogando a partida mais importante do estadual, os 90 minutos que definem se o torcedor irá ter paciência ou não no tropeço do time diante de um pequeno na próxima rodada. Pois entre os títulos de matéria ''Após perder o clássico, Inter(ou Grêmio) tropeça diante do...'' e ''Após vitória no clássico, Inter(ou Grêmio) tropeça diante do...'' existe uma grande diferença, que até pode ser definida em uma palavra nos veículos de comunicação, mas na cabeça do torcedor é bem mais complexo.

Alisson, Cláudio Winck, Juan, Paulão, Geferson, Nico Freitas, Rodrigo Dourado, Alex, Luque, Anderson, Alisson Farias, Valdivia, Vitinho, Nilmar, Marcelo Grohe, Matías Rodríguez, Rhodolfo, Erazo, Marcelo Oliveira, Araújo, Giuliano, Walace, Fellipe Bastos, Douglas, Lincoln, Yuri Mamute e Everaldo, foram os responsáveis por fazer um Gre-Nal equilibrado.

O Internacional é visivelmente superior em termos técnicos ao Grêmio, mas o 'fator Felipão', e a capacidade do treinador Tricolor de fazer times considerados ruins surpreenderem decretaram um 0 a 0 justo em que o seu time poderia ter vencido e não seria injusto, com chances de gol para os dois lados, em 90 minutos que destacaram não dentro de campo mas sim duas torcidas reclamando, aplaudindo, xingando, incentivando e torcendo lado a lado. Ver o vermelho e branco lado a lado com o azul, branco e preto nos estádios gaúchos era algo raro de se ver, espero que seja o primeiro de muitos com parte da torcida mista, e mais importante, que sirva como exemplo para vermos situações como esta em todo o futebol brasileiro, em clássicos onde a civilidade deve ficar acima da rivalidade.

Antes da bola começar a rolar ainda houve uma confusão entre os gremistas que entravam no estádio e colorados, quando pedras e outros objetos foram arremessados, que segundo relatos torcidas organizadas começaram o pequeno confronto, o que muda a discussão e o tópico do debate, este que agora é: ''As torcidas organizadas irão tolerar os rivais lado a lado como o torcedor comum? Estes que muitas vezes não toleram até torcedores do mesmo clube mas de organizada diferente ao seu lado''




No aniversário de 450 anos do Rio, Botafogo vence o Flamengo por 1 a 0 no Maracanã

Botafogo 1 x 0 Flamengo
 No dia em que o Rio de Janeiro completou 450 anos, um clássico entre Botafogo e Flamengo no Maracanã, com quase 50 mil torcedores presentes e também a última partida de Léo Moura com a camisa que defendeu por quase 10 anos, tarde de domingo perfeita para uma grande partida, onde o Alvinegro da estrela solitária buscava os três pontos para se isolar na ponta da tabela e o Rubro-negro para empatar em número de pontos com o Vasco e supera-lo nos critérios de desempate, ou seja, um clássico valendo a liderança do Campeonato Carioca.

Antes de começar um clima ótimo de clássico, torcidas presentes em peso, ídolos do passado entrando em campo e cantores a beira do campo cantando a música 'Cidade Maravilhosa'.

Dentro de campo a coisa não estava tão ''Maravilhosa'' quanto fora dele, o nível técnico da partida muito baixo e a escalação dos três volantes no Fla pareceu surpreender o Botafogo de René Simões, que foi praticamente nulo e preferiu ficar na retranca.

Primeiros quarenta e cinco minutos de partida no qual o time Rubro-negro poderia fazer 2 ou 3 a 0 pelo volume de jogo, mas assim como já sabemos desde o primeiro amistoso do Fla em 2015, falta um meia de criação, e as jogadas eram forçadas da maneira errada, muito cruzamento e pouca bola no gramado para desenvolver as jogadas.

A entrada de Sassá no Botafogo ainda no primeiro tempo
foi determinante para a equipe ter mais velocidade no momento dos contra-ataques. E a partida foi para o intervalo com o Fla visivelmente superior e o Botafogo precisando mudar seu esquema para conseguir pelo menos assustar.

Já no inicio dos quarenta e cinco minutos complementares, o jogo estava visivelmente equilibrado, o Fla foi ao ataque e enfim o Botafogo conseguiu responder a altura, foi perigoso e parou em Paulo Victor. Aos vinte e cinco minutos de partida veio a melhor chance Rubro-negra na partida, que foi um quase gol contra de Diego Giaretta, que cabeceou para trás e quase mandou no angulo, se não fosse Jefferson fazendo uma defesa espetacular, digna de Seleção Brasileira.

O gol da vitoria botafoguense veio aos trinta e sete minutos, quando Tomas acertou a trave em bom chute de fora da área, a bola bateu em Paulo Victor e entrou. O goleiro flamenguista preferiu dar um 'golpe de vista' e acabou sendo traído pela trajetória da bola após tocar a trave. Festa da torcida do Botafogo presente no estádio, comemoração Alvinegra que não via no Maraca a algum tempo.

O próximo compromisso do Botafogo pelo Campeonato Carioca será no domingo, clássico contra o Fluminense no Maracanã, às 18h30. Já o Flamengo entra em campo no sábado às 16h no Engenhão, o adversário será o Friburguense.

Dupla de zaga decide e Vasco vence o Bangu em São Januário por 2 a 0

Vasco 2 x 0 Bangu
 Desde sua estreia diante da Cabofriense no primeiro dia de fevereiro, o Vasco da Gama sofreu apenas dois gols em sete jogos, com isso o Cruz-Maltino tem a melhor defesa do Campeonato Carioca. A defesa está em ótima fase, porém o ataque não repete o mesmo desempenho, foram doze gols marcados, marca boa mas inferior ao Botafogo, Flamengo e Madureira, rivais do G-4. Mas não satisfeitos em defender, os zagueiros vascaínos resolveram decidir o jogo deste sábado indo ao ataque, e conseguiram marcar os gols da vitória diante do Bangu, por 2 a 0, em São Januário.

O atacante Gilberto buscou jogo no primeiro tempo e foi destaque, a nova contratação do Vasco até fez boas jogadas, porém no momento da finalização a pontaria não foi das melhores. Rodrigo, zagueiro forte nas jogadas de bola parada, abriu o placar aos vinte e sete minutos. O pobre Bangu não foi muito feliz em suas poucas chances de empatar o placar, e a defesa vascaína seguiu sem grandes problemas.

Já no segundo tempo, aos vinte e três minutos, foi a vez de Luan fazer 2 a 0 e decretar a vitória vascaína. Mais três pontos que deixaram os comandados de Doriva na liderança do Carioca, com 17 pontos em sete partidas. Já neste domingo, o Vasco irá a ponta da tabela, pois Flamengo e Botafogo se enfrentam, e mesmo em caso de empate, o Botafogo fica com os mesmo 17 pontos do Cruz-Maltino e ultrapassa no saldo de gols, mesmo caso de uma vitória do Rubro-negro.

O próximo compromisso do Vasco da Gama será pela Copa do Brasil, quando o time irá até o Acre enfrentar o Rio Branco, na próxima quarta-feira às 22h, na Arena da Floresta. O próximo jogo no estadual será apenas no dia 8 de março, contra o Bonsucesso, às 16h no Engenhão. 

Barcelona vence o Granada fora de casa por 3 a 1 e volta a encostar na liderança

Granada 1 x 3 Barcelona
 Assim como na última terça-feira diante do Manchester City na Champions, Suárez marcou o seu gol e foi decisivo para a vitória do Barcelona sobre o Granada pelo Campeonato Espanhol, na tarde desta sábado. O centroavante uruguaio participou dos três gols da partida, com duas assistências e um gol, o meia croata Rakitic também fez um ótimo jogo, craques que supriram a partida discreta que fez Messi e Neymar.

O Granada tentou incomodar investindo com jogadas de velocidade pelo lado de Daniel Alves, mas a superioridade técnica prevaleceu com o time visitante abrindo o placar aos vinte e cinco minutos do primeiro tempo, com o meia Rakitic.

Já na segunda etapa, nos primeiros minutos, Rakitic passou com categoria para Suárez, que invadiu a área e tocou na saída do goleiro Oier. No terceiro gol, o atacante uruguaio recebeu do croata, mais uma vez, e resolveu passar para Messi completar para as redes, aos vinte e quatro. Os donos da casa marcaram seu gol quando perdiam por 2 a 0, com Fran Rico, de penalidade.

Com a vitória sobre o Granada, o time catalão chega aos 59 pontos, apenas um a menos que o Real Madrid, que recebe o Villarreal neste domingo.

Dupla ''Batman e Robin'' funciona e Borussia Dortmund bate o Schalke 04 por 3 a 0

Borussia Dortmund 3 x 0 Schalke 04
 Ôôô o Borussia Dortmund voltôôou? No clássico diante do Schalke 04 em casa, os comandados de Jurgen Klopp venceram por 3 a 0 com direito a gols de ''Batman e Robin'', ou se você preferir de Aubameyang e Reus. O placar foi ótimo, o time está conseguindo se recuperar na Bundesliga para assim poder focar na Champions League, onde foi derrotado no jogo de ida por 2 a 1 contra a Juventus na Itália.

A partida deste sábado foi boa para o time Auri-negro, mas não graças ao jovem goleiro Timon Wellenreuther, de apenas 19 anos, que conseguiu segurar o Dortmund até a metade do segundo tempo, com ótimas defesa. Será que o Schalke estará revelando 'mais um' Manuel Neuer para o mundo do futebol? No terceiro e último gol a conta está mais na falta de experiencia que propriamente por falta de qualidade, quando tentou driblar Reus e se atrapalhou.

Aubameyang parece ser um grande fã de super-heróis, após comemorar com uma mascara do Homem-Aranha na Supercopa da Alemanha, contra o Bayern, na partida deste sábado o jogador escolheu o Batman, após abrir o placar aos trinta e três minutos da etapa complementar. O gabonês saiu para comemorar e colocou uma mascara do Batman para comemorar ao lado do companheiro Reus, que usou uma máscara de Robin. O segundo gol do Borussia Dortmund foi marcado por Mkhitaryan, já aos trinta e quatro, e Reus fechou o marcador o 3 a 0 aos 40.

Com mais uma vitória, o Borussia já chega ao meio da tabela com 28 pontos, cinco pontos de distância da zona de rebaixamento, que ainda participava a pouco tempo atrás.

Internacional vence Universidad de Chile no Beira-Rio e assume a vice-liderança de seu grupo

Internacional 3 x 1 Universidad de Chile
 O Internacional entrou em campo nesta quinta-feira precisando de uma vitória sobre a Universidad de Chile para não se distanciar da liderança de seu grupo. A torcida colorada foi em peso ao Beira-Rio para apoiar após uma estreia decepcionante fora de casa, e após fazer mistério ao longo da semana, o técnico uruguaio Diego Aguirre pôs um time mais leve dentro de campo, funcionou!

Os primeiros quarenta e cinco minutos de partida foram movimentados, o Inter até sofreu alguns sustos mas era superior nas jogadas ofensivas, os chilenos tentavam surpreender o time da casa nos contra-ataques. Aos vinte e seis Vitinho foi derrubado dentro da área e o árbitro Víctor Carrillo nada marcou, já aos quarenta, D'Alessandro sofreu penalidade e desta vez o peruano sinalizou a infração, o argentino foi para a bola e mandou com categoria para o fundo das redes.

Na volta do intervalo, o Internacional pareceu mais tranquilo para buscar o 2 a 0 e conseguiu aos dezesseis minutos, quando Alex acertou belo passe para Jorge Henrique, que chegou livre frente a frente com o goleiro chileno Herrera e mandou para o fundo das redes... A partir daí o time colorado se acomodou em campo, parecia estar com os três pontos nas mãos, mas a La U não desistiu e partiu para cima buscando o empate.

Aproveitando os espaços na defesa do Internacional, os chilenos diminuíram aos vinte e um minutos com Canales, e quase conseguiram o empate em algumas oportunidades. Percebendo as chances claras de perder o bom resultado em casa, os donos da casa despertaram e conseguiram fazer seu terceiro gol na partida aos trinta e dois, quando Aránguiz acertou belo cruzamento para Eduardo Sasha, este que chutou de primeira e surpreendeu a defesa adversária, fazendo um belo gol e decretando a vitória.

Com o triunfo em casa, o Internacional assume a vice-liderança do Grupo 4 com três pontos em duas partidas, mesma pontuação do The Strongest, terceiro colocado. A Universidad de Chile ocupa a lanterna do grupo sem somar pontos. O próximo compromisso do Internacional será pelo Campeonato Gaúcho, no clássico contra o Grêmio às 18h30, no domingo. O Emelec será o adversário do time Colorado na próxima quarta-feira(às 22h), novamente pela Libertadores, e também no Beira-Rio.

Flamengo vence o Brasil de Pelotas por 2 a 1 mas não evita o jogo de volta na Copa do Brasil

Brasil de Pelotas 1 x 2 Flamengo
 Em sua estreia na Copa do Brasil 2015, o Flamengo enfrentou o Brasil de Pelotas no Estádio Bento Mendes de Freita, e conseguia a classificação para as oitavas sem a necessidade do jogo de volta até os últimos minutos do segundo tempo, quando o time da casa descontou e fez sua torcida ir a loucura. Em campo, o Rubro-negro carioca buscava vencer por dois ou mais gols de diferença e evitar a partida de volta no Rio de Janeiro, segundo jogo que era o foco do Brasil de Pelotas.

Antes da bola começar a rolar, o principal destaque da imprensa esportiva era a partida em 1985 que o Brasil de Pelotas venceu o Flamengo de Zico, Bebeto e CIA por 2 a 0, porém dentro de campo o Brasil mostrou um futebol em que perderia facilmente por mais de 7 a 1 no tão comentado jogo de algumas décadas atrás.

A torcida local até estava animada, disposta a empurrar o time, porém após uma pequena pressão inicial, o Flamengo foi totalmente soberano no jogo, e o futebol apresentado pelo time gaúcho não 'espantava' mais e a torcida se calou. Aos trinta minutos do primeiro tempo, Alecsandro aproveitou bobeira da zaga para abrir o marcador e deixar o Brasil de Pelotas perdido dentro de campo.

Escalar Léo Moura e Pará nas laterais foi opção de Luxemburgo para deixar o time mais experiente, e acabou dando certo em boa parte da partida, pois o time esteve tranquilo e esperando as melhores chances para definir, contando sempre com a velocidade de Marcelo Cirino para desequilibrar a defesa adversária. O lateral Pará aproveitou rebote de fora da área e acertou um belo chute, a bola entrou no cantinho e o goleiro só viu a bola entrar, 2 a 0.

O Flamengo poderia ter feito o terceiro mas parecia tranquilo demais, com o jogo e a classificação nas mãos, pensou que o Brasil não iria tentar fazer mais nada dentro de campo, e a torcida também sentia isto, tanto que já deixava o estádio após o segundo gol. Até que aos quarenta e sete do segundo tempo, o mesmo Pará que fez um belo gol foi displicente e cometeu uma falta próximo a linha de fundo. Após cobrança de Rafael Foster, Nena cabeceou e fez a torcida 'xavante' explodir de alegria. 2 a 1 e o jogo de volta no Rio de Janeiro confirmado.

O próximo compromisso do Flamengo será o clássico contra o Botafogo pelo Campeonato Carioca, a partida será no próximo domingo às 16h no Maracanã. O jogo de volta contra o Brasil de Pelotas será no dia 18 de março, às 22h também no Maraca, nesta partida os visitantes terão que fazer pelo menos 2 a 0 para se classificarem.

Apático, Atlético-MG perde para o Atlas por 1 a 0 em pleno Independência

Atlético-MG 0 x 1 Atlas-MEX
 O Atlético-MG ainda não pontuou na Copa Libertadores da América 2015, após o resultado da noite desta quarta-feira, os comandados de Levir Culpi já chegam a terceira derrota consecutiva, a segunda seguida na competição continental. Mas o pior não é o resultado, mas sim o futebol apresentado dentro de campo diante do Atlas-MEX, mesmo jogando com a força de sua torcida no estádio Independência.

Mesmo desfalcado de jogadores importantes como o atacante argentino Lucas Pratto, o lateral Marcos Rocha e também o atacante Jô e Pedro Botelho, o Galo não jogou um futebol convincente e sofreu com a catimba do time mexicano e com o árbitro disposto a deixar o jogo parado a todo o momento.

O Galo até tentava abrir o placar no primeiro tempo, porém esbarrava na forte marcação e nos contra-ataques perigosos do time mexicano, visitantes que logo no inicio da partida quase abriram o placar. Levir resolveu mudar para o segundo tempo e pôs o Atlético mais ofensivo, colocando Cárdenas no lugar de Leandro Donizete. O jogo ficou mais aberto, pois os donos da casa foram para o ataque e o Atlas tinha mais espaço em suas investidas.

O gol da vitória do Rubro-negro mexicano foi marcado aos quarenta e um minutos, quando Suárez foi lançado e a defesa do Atlético-MG parou numa linha de impedimento falha, na saída de Victor o meia atacante estufou as redes sem grande dificuldade. Mais um resultado ruim para o atual campeão da Copa do Brasil, segunda derrota em dois jogos e como consequência a lanterna no Grupo 1 da competição.

No próximo domingo, o Atlético-MG recebe o Guarani no estádio Independência às 16h00, pelo Campeonato Mineiro. O próximo compromisso do clube pela Libertadores será no dia 18/03, contra o Santa Fé em Bogotá.

Copa das Confederações de 2021 não será no Qatar devido ao forte calor


 O secretário-geral da Fifa, Jerome Valcke, confirmou nesta quarta-feira que o Qatar não irá sediar a Copa das Confederações de 2021, algo surpreendente pois é o chamado ''torneio-teste'' da Copa do Mundo. O motivo da mudança foi explicada pelo francês: O calor!

Desde que a Copa do Mundo de 2022 foi confirmada no Qatar, existe uma grande polêmica entre a FIFA e as Confederações, estas que apontam o calor do país como grande problema para a realização do Mundial, que normalmente é entre junho e julho. Porém como não seria ''saudável'' para a competição e para as ligas por todo o mundo, a Copa da Confederações será em outro país asiático, onde a temperatura é mais amena neste período do ano, e não movida para outras datas.

Pelo mesmo motivo, a Fifa vem tentando fazer algo inédito na Copa do Mundo de 2022, que é adiar o torneio para os meses de novembro e dezembro, a medida não encontrou resistência da Uefa assim como não deverá encontrar da Concacaf e Conmebol, mas ligas importantes da Europa já reclamam da opção, que mudaria o calendário dos torneios.

A Copa das Confederações é disputada no país-sede doa Copa do Mundo desde 2001, no Japão.

O ''azarado'' Arsenal perde para o Monaco em casa e precisa reverter desvantagem para avançar

Arsenal 1 x 3 Monaco
 Dificilmente o Arsenal não chega à fase de mata-mata da Uefa Champions League... Nas últimas temporadas o time inglês frequentemente classifica na quarta colocação da Premier League e acaba tendo que enfrentar a primeira fase da competição, na fase de grupos geralmente fica em segundo e se complica quando chega às oitavas, pois além de enfrentar o primeiro colocado de outro grupo, é frequente adversário de clubes com um peso e muitas vezes fase melhor que a sua.

Na temporada 2010/11, o time foi vice-colocado do Grupo H, que foi liderado pelo Shakhtar Donetsk. Chegou às oitavas de final e o sorteio não foi generoso, teve que enfrentar nada mais que o Barcelona em sua melhor fase na última década, com Messi voando e o meio de campo trabalhando como uma maquina de jogar bola, e não deu outra, mesmo vencendo a primeira partida por 2 a 1, perdeu por 3 a 1 no jogo de volta e caiu.

Já na temporada 2011/12, o time liderou o Grupo F e enfrentou o Milan nas oitavas. O clube italiano estava longe de viver sua melhor fase, mas vinha significadamente melhor que nos tempos de hoje, mais uma vez decepção para os Gunners, foi goleado por 4 a 0 na cidade de Milão e a vitória por 3 a 0 em Londres não adiantou.

Temporada 2012/13, e os comandados de Arsene Wenger foram vice líder do Grupo B, este liderado pelo Schalke 04. E assim como na temporada 2010/11, o sorteio pôs o Arsenal no caminho do clube que seria campeão... O adversário das oitavas era o Bayern de Munique, o mesmo que iria destroçar o Barça nas semi-finais, e o clube perdeu por 3 a 1 em pleno Emirates Stadium, fora de casa até venceu por 2 a 0 mas não adiantou, eliminado mais uma vez.

Na temporada passada, a 2013/14, o Arsenal foi vice-líder do Grupo F, que foi liderado pelo Borussia Dortmund. E mais uma vez teve o Bayern de Munique pela frente, desta vez o clube alemão já tinha o status de melhor do mundo. Em casa, os Gunners foram derrotados por 2 a 0 e empataram por 1 a 1 em Munique, mais uma vez eliminado nas oitavas, pela quarta temporada consecutiva.

E enfim chegamos à temporada 2014/15, quando o Arsenal novamente foi vice-colocado de um grupo liderado pelo Borussia Dortmund. Mas parecia que seria diferente, o sorteio foi generoso, pela frente nada de Real Madrid, Barcelona ou Bayern de Munique, e sim o Monaco, apenas o clube francês que era 'bilionário' até a temporada passada e passa por um momento difícil após o dono quase 'abandona-lo'... Mas não adiantou, o time francês surpreendeu e venceu por 3 a 1 o Arsenal nesta quarta-feira.

Mais uma vez o time da capital da Inglaterra parece que irá ficar pelo caminho, para avançar às quartas de final terá que vencer por 3 a 0 fora, missão muito difícil mas não impossível. O Arsenal agora tem a comprovação, o problema não é o adversário que se enfrenta nas oitavas da Champions League, e sim o ''azar'', o Arsene Wenger, o elenco 'pipoqueiro' ou qualquer culpado que você preferir.

O primeiro projeto de Andrés Sanchez como deputador federal é criar o 'Dia do Corinthians'


 Vamos ser francos, Andrés Sanchez foi eleito deputado federal por ter sido presidente do Corinthians num momento importante da história do clube, onde o time conquistou títulos importantes mas também foi irresponsável financeiramente, como vamos descobrindo após as revelações sobre a Arena. Foram 169.834 votos para o polêmico cartola nas urnas em 2014, resultando na eleição do deputado federal pelo Partidos dos Trabalhadores(PT), no estado de São Paulo.

O projeto de lei de número ''324/2015'' foi apresentado no dia 11 de fevereiro e aguardo apenas o envio para o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), para ser votado pelos parlamentares ou arquivado. O texto não foi formulado ao lado de Goulart (PSD-SP), e o objetivo não é algo proveitoso nem para os corintianos que votaram nele, ter o ''Dia do Corinthians'' em todo o Brasil.

"A história do Corinthians se funde com a própria história do esporte brasileiro e de sua sociedade, já que o Clube foi fundado por um grupo de operários e foi o primeiro clube de futebol paulista a aceitar jogadores pobres, além de ser o segundo no Brasil a aceitar atletas negros. Portanto a história do Corinthians, e sua contribuição para a sociedade brasileira, é muito maior do que simplesmente o jogo de futebol", esta é a justificativa para o ridículo projeto, este abominado até por muitos corintianos.


Barcelona perde chance de ''definir'' o confronto, mas vence o Manchester City por 2 a 1 pela Champions

Manchester City 1 x 2 Barcelona
 No repeteco das oitavas de final da temporada passada da Uefa Champions League, o Barcelona venceu o Manchester City por apenas 2 a 1 no Ethiad Stadium. ''Apenas'' pois os comandados de Luis Enrique tiveram uma primeira etapa tranquila, onde poderiam ate golear, e também uma chance de pênalti nos últimos segundos de jogo.

Sempre que o Barça enfrenta o City, o ''sonho'' do time inglês em repetir os momentos de sucesso dos catalães vem a tona e é destacado pela imprensa. Na temporada 2013/2014, tanto no jogo de ida quanto no de volta, o time de Manchester pareceu respeitar muito seu adversário e acabou eliminado, e mais uma vez com seu sonho de chegar às quartas de final da Champions despedaçado. 

Nesta temporada foi/é a chance de mostrar que o City não ''treme'' quando vê sua ''inspiração''... Terá que mostrar no jogo de volta, no Camp Nou, que pode eliminar Messi e CIA jogando de igual para igual, pois nesta terça-feira o time mais uma vez mostrou fragilidade.

Os quarenta e cinco minutos iniciais do Manchester City foram fraquíssimos, o time esperava muito o Barça tomar suas decisões dentro de campo e não tentava se impor diante de sua torcida. 

O Barcelona aproveitou e com Lionel Messi com uma função diferente, o craque argentino não estava em sua posição habitual, do meio para os lados de campo livre e também como um chamado ''falso nove'', e sim como uma espécie de volante. Em alguns momentos teve a tarefa de ir buscar a bola na defesa e mandar o centroavante uruguaio Luis Suárez resolver lá na frente, onde estava num momento inspirado ao lado do apagado Neymar.

O atacante brasileiro ate tentava, mas estava num dia ruim, suas jogadas individuais não surtiam efeito e poucos de suas participações foram importantes na equipe. Neymar evoluiu muito em sua segunda temporada com a camisa do Barcelona, porém ainda mostra problemas em procurar brilhar sem ser o protagonista que é na Seleção Brasileira.

Aos quinze minutos do primeiro tempo, Luis Suárez contou com a sobra de bola após dividida com o zagueiro Kompany e estufou às redes do goleiro Hart com um belo chute. Suárez ampliou aos vinte e nove minutos, calando às vaias que tomavam conta do estádio cada vez que o atacante tocava na bola(por conta de sua passagem pelo Liverpool).

O inicio de segundo tempo mostrava um Manchester City diferente, mais ofensivo, dedicado e ligado dentro de campo. Às chances começaram a aparecer e Dzeko perdeu uma chance de ouro para o time da casa... O gol saiu aos vinte e três do segundo tempo, boa roubada de bola do francês Clichy, David Silva foi inteligente e deixou a bola para Sergio Aguero, domina-la e finalizar com sua precisão característica para o fundo das redes. Uma oportunidade fantástica para buscar o empate se menos de dez minutos depois, o mesmo Clichy que roubou a bola e começou a jogada do gol não fosse expulso de campo pelo segundo amarelo.


A partida voltou para às mãos do Barcelona, com um jogador a mais o time trocava passes e esperava uma chance indispensável para definir não só a partida como também o confronto, pois seria difícil um 3 a 0 do City fora de casa na partida de volta. E essa chance apareceu nos últimos minutos de acréscimo, Lionel Messi sofreu penalidade e foi para cobrança, o argentino parou numa ótima defesa do goleiro inglês Hart e no rebote, de cabeça, novamente desperdiçou. 

A torcida do City foi a loucura, e com razão, o pênalti perdido por Messi foi uma nova chance para os Citizens mostrar que não 'amarelam' quando vêem o Barça. Esta nova oportunidade para o Manchester City será no dia 18 de Março, no Camp Nou.

Vasco domina e vence o Fluminense no primeiro clássico do Campeonato Carioca

Fluminense 0 x 1 Vasco
 O clássico carioca da noite deste domingo refletiu o momento da grande esmagadora maioria dos estaduais pelo Brasil. Primeiro fator negativo foi a partida ter ido parar no Engenhão, mesmo com o Maracanã a disposição, a FERJ preferiu não 'magoar' seu principal parceiro politico por conta da novela ''Quem fica com o lado direito do Maraca?'', o Flu tem o direito no contrato com a concessionária do estádio, mas o Vasco tenta mudar a decisão focando no fator 'histórico' e na boa relação com a Federação... Lembrando que o presidente do cruzmaltino é o Eurico Miranda, então não esperem resolução em um futuro próximo!

Além da partida não ser no principal estádio do Rio de Janeiro, ainda houve confusão antes da bola rolar, que resultou em quase 87 torcedores detidos, por isto muitos cidadãos civilizados resolveram abdicar do entretenimento futebolístico para preservar sua própria vida... Bola rolando e o estádio mutico escuro, iluminação tão ruim que nem parecia um Fluminense x Vasco.

Quando a bola começou a rolar outra percepção: O baixo nível dos estaduais! Não só dos jogadores mas também da arbitragem, que deu um show(negativo) à parte. A partida começou com as equipes se estudando e deixando o ataque em segundo plano. Os comandados de Doriva foram superiores, o atacante Gilberto, em sua estreia, procurou o jogo e foi muito participativo. O atacante ainda foi derrubado por Diego Cavalieri dentro da área, o juiz marcou simulação de maneira equivocada. Pois o toque do goleiro foi suficiente para derrubar o atacante, e o mesmo não tinha motivo para cair, já que estava a frente da marcação e só precisava chutar para o gol livre e abrir o placar.

Na volta do intervalo, a bola quase não rolava, muitas faltas e erros de passes. O Vasco da Gama mais uma vez superior ao rival, ameaçou com bola na trave e esteve sempre mais perto de abrir o placar que o Flu. Victor Oliveira derrubou Luan dentro da área aos trinta e quatro minutos, penalidade! Infração esta muito mais duvidosa do que a primeira não marcada a favor do Vasco. O árbitro marcou e o próprio Luan converteu a cobrança. No lado tricolor, Rafinha ainda foi expulso antes do fim da partida.

Com a vitória deste domingo, o Vasco da Gama ultrapassa o Fluminense e o Volta Redonda e chega a terceira colocação do Campeonato Carioca. O time cruzmaltino tem os mesmos 14 pontos do Flamengo, segundo colocado, e do próprio Voltaço, quarto. Após a segunda derrota consecutiva, o Flu deixa o G-4 e ocupa a quinta colocação com 12 pontos.

O Vasco entra em campo novamente no próximo sábado, às 16h contra o Bangu, em São Januário. Já o Fluminense mede forças contra o Resende, no domingo às 18h30, no estádio Raulino de Oliveira.

Vídeo: Ronaldinho Gaúcho, um ''showman'' com a bola nos pés


 Ele está longe de ser o jogador de futebol mais comprometido com sua profissão, desde o inicio de sua carreira sempre se envolveu em ''polêmicas'' fora de campo quando se trata de festas. Porém, com a bola no pé, Ronaldinho Gaúcho tem um domínio e intimidade espetaculares. No vídeo abaixo você poderá ver os melhores momentos desta história da amor de R10.

Leandro Damião marca duas vezes e Cruzeiro vence o Boa Esporte por 3 a 0

Cruzeiro 3 x 0 Boa Esporte
 Aos poucos o Cruzeiro vai superando a desconfiança gerada antes das primeiras partidas desta temporada. Neste sábado, os comandados de Marcelo Oliveira venceram facilmente o Boa Esporte por 3 a 0, na primeira vitória do time no Mineirão em 2015, e com direito a dois gols e uma assistência do centroavante Leandro Damião. O placar foi aberto por Marquinhos.

O time Celeste jogou bem mais uma vez e adquire confiança após as tão lamentadas saídas de jogadores importantes do elenco. É obvio que não significa que o tri brasileiro está garantido, pois estamos falando apenas de um Campeonato Estadual, porém Marcelo vai encaixando a equipe aos poucos com as novas peças que tem em mãos. Vamos ter um 'diagnostico definitivo' sobre o time somente nos próximos meses.

Na próxima quarta-feira, o time entra em campo pela Libertadores, onde enfrentará o Universitario de Sucre, no estádio Olímpico Pátria, na Bolívia. O próximo adversário pelo Campeonato Mineiro é o Tupi, no sábado(28) às 16h.

Veja em mapa interativo todos os 200 participantes da Libertadores desde sua primeira edição


 Foram exatamente 200 clubes que participaram da Copa Libertadores da América desde sua primeira edição, em 1960. Nestes 55 anos, a competição passou pelo domínio uruguaio, a supremacia argentina e também pela importante década de 90, que foi fundamental para os clubes brasileiros começassem a gostar de jogar a competição e não deixa-la de escanteio para se dedicar exclusivamente aos estaduais.

No ranking de títulos, o Brasil ainda está atrás da Argentina, apesar da monstruosa evolução nos últimos 20 anos. São vinte e três títulos e nove vices dos hermanos, resultando num aproveitamento de 71,8% em finais, contra dezessete títulos e quinze vices dos brasileiros, que resulta em 53,1% de aproveitamento em decisões. Na terceira colocação vem o Uruguai, com oito conquistas e também oito vices, aproveitamento de exatamente 50%.

O maior campeão da competição é o Independiente, da Argentina, com sete conquistas(1964, 1965, 1972, 1973, 1974, 1975 e 1984), e é seguido por: Boca Juniors, também argentino, com seis títulos(1977, 1978, 2000, 2001, 2003 e 2007); Peñarol, do Uruguai, com cinco taças conquistadas(1960, 1961, 1966, 1982 e 1987) e Estudiantes, da Argentina, com quatro conquistas (1968, 1969, 1970 e 2009).

Quando falamos de Brasil, São Paulo e Santos tem três conquistas e lideram o ranking. Em 1992, 1993 e 2005 os títulos foram faturados pelo time Tricolor e em 1962, 1963 e 2011 pelo Alvinegro Praiano. Cruzeiro, Grêmio e Internacional tem dois títulos e Palmeiras, Atlético-MG, Flamengo, Corinthians e Vasco da Gama tem somente um. Dos chamados 'gigantes do futebol' em nosso país, apenas Fluminense e Botafogo ainda não tiveram o prazer de comemorar o título sul-americano. No caso do Tricolor carioca por muito pouco no ano de 2008.

Mas quais times já participaram da competição? Em quais edições e quantos títulos eles tem? Isso você pode conferir no mapa interativo abaixo: