Blog do Celino Neto

São Paulo arranca o empate diante do Flamengo aos 45 do segundo tempo no Morumbi, 2 a 2

1 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 1 LinkedIn 0 Pin It Share 0 1 Flares ×
São Paulo 2 x 2 Flamengo

 São Paulo e Flamengo prometiam fazer um bom jogo, o tricolor paulista em busca de uma vitória após duas derrotas consecutivas, e com o seu famoso ‘Quarteto Fantástico’ em campo, o que costuma ser sinônimo de vitória. O Flamengo ainda precisava somar mais pontos para ver o perigo de Z-4 ainda mais longe. Clássico do futebol brasileiro no Morumbi, este que foi lamentavelmente devastado pela arbitragem, que mais uma vez é protagonista e entrou na disputa de uma das piores deste atual Campeonato Brasileiro.

Infelizmente no Brasil vivemos um momento em que um jornal, um site ou um programa de TV que fala de futebol precisa dedicar boa parte de seu tempo a arbitragem.

Não gosto falar deste assunto, tanto que dificilmente dou destaque a eles no título da postagem, porém ultimamente é inevitável, já que os árbitros erram aos montes de A a Z. Tanto para o líder Cruzeiro quanto para o lanterna Palmeiras, já prejudicou time gigante, médio e pequeno, assim como já beneficiou. Tanto para Vitória como para o Bahia, tanto para o Inter como para o Grêmio, tanto Fla como Flu, Corinthians e Palmeiras, enfim, é um verdadeiro show de erros absurdos.

O pior é quando os ‘homens do apito’ interferem no resultado, o que aconteceu nesta quarta-feira… O Flamengo foi beneficiado a sete dias atrás contra o Palmeiras, o Alviverde que foi beneficiado contra o Criciúma, isto mostra que não há critério de ‘beneficio’ no brasil, e após uma semana, o Fla voltou a São Paulo e desta vez a história foi diferente, a arbitragem prejudicou o time claramente.

Falando de bola rolando, Luxemburgo conseguiu encaixar bem uma marcação nos quatro principais jogadores do time de Muricy, que dominava a partida mas não conseguia ameaçar com uma clareza necessária para sair na frente no placar, porém era uma questão de tempo o primeiro gol do São Paulo.

Em um momento raro de brilho das ‘estrelas’ do Tricolor Paulista, Alan Kardec e Alexandre Pato tabelaram e conseguiram entrar dentro da área sem grandes problemas, após passar por Márcio Araújo, Pato caiu e o juiz marcou pênalti. Houve um toque do jogador Rubro-negro, mas é aquela tipica falta que não temos a certeza se o jogador caiu pelo toque ou aproveitou a situação para mergulhar. Rogério Ceni foi para cobrança e bateu no cantinho, 1 a 0.

Após sofrer o primeiro gol, o Flamengo começou a sair mais pro jogo e criou mais chances de gol, aos trinta e cinco, Everton aproveitou rebote de Rogério Ceni em chute de Gabriel e mandou para as redes. Falha do ídolo tricolor, apenas uma de várias ao longo da partida. Num resumo rápido da primeira etapa, o São Paulo começou melhor e o Fla conseguiu equilibrar e dominar no final.

Na volta do intervalo, mal começou a partida e o arbitro marcou penalidade máxima para o São Paulo. O zagueiro Samir tocou claramente com a mão na bola, e seria correta a marcação se o defensor rubro-negro não tivesse cometido a infração fora da área. Rogério Ceni foi para a cobrança e cobrou fraco, Paulo Victor defendeu sem grandes dificuldades.

Os visitantes continuaram superiores na partida, tudo isto pois o quarteto foi anulado e o Tricolor precisava daquele jogador ‘chato’ dentro da área para incomodar a zaga Rubro-negra, precisava de Luis Fabiano… E a torcida pediu. Aos vinte e oito um raro acerto da arbitragem, Michel Bastos entrou de forma violenta em Everton, para quebrar o tornozelo, e foi merecidamente expulso. A partir daí o São Paulo abdicou de atacar, o Flamengo tinha o gol da virada cada vez mais perto, e aos quarenta e dois Alecsandro subiu mais que todo mundo após escanteio e virou a partida.

André Luiz de Freitas Castro

Resultado justo para um time que dominou a maior parte do jogo, porém quando um time enfrenta o Flamengo e está empatando ou perdendo no finalzinho, não precisa desistir, pois uma hora ou outra a defesa falha nos momentos finais e cede o resultado. E foi o que aconteceu com o São Paulo, que apenas três minutos depois de levar a virada, empatou a partida com Luis Fabiano, o centroavante ficou cara a cara com Paulo Victor após falha da defesa e concluiu com qualidade. 2 a 2.

O resultado foi péssimo para o São Paulo pelo adversário que teve e pela expectativa de continuar perseguindo o Cruzeiro, porém foi bom pelas circunstâncias da partida. Já para o Flamengo o resultado foi bom pois enfrentou o até então vice-líder e ruim pelas circunstâncias da partida.

Com o resultado, o São Paulo chega a quarenta e três pontos e cai para a terceira colocação. Já o Flamengo vai a trinta e ultrapassa o Goiás, que entra em campo nesta quinta-feira para enfrentar o Botafogo. Na próxima rodada, o São Paulo enfrenta o Fluminense no Morumbi, sábado às 21h. Já o Flamengo mede forças contra o Bahia na Fonte Nova, domingo, às 16h.


 Veja os melhores momentos da partida:
(Visited 78 times, 1 visits today)

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

1 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 1 LinkedIn 0 Pin It Share 0 1 Flares ×