Blog do Celino Neto

CBF decide não usar mais árbitros atrás dos gols em 2015

0 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 0 Flares ×
Lance polêmico no Campeonato Carioca de 2014

 Após três temporadas de um baixo custo beneficio, a Confederação Brasileira de Futebol decidiu não usar os assistentes atrás do gol em 2015. Os clubes da Série A do Campeonato Brasileiro terão uma ‘folga’ em seus gastos, pois irão deixar de pagar as taxas de arbitragem de R$ 2 milhões, segundo estimativa da comissão de arbitragem.

Sérgio Corrêa, responsável pela arbitragem brasileira, citou o custo-benefício como principal motivo para o ‘sexteto’ de arbitragem voltar a ser quarteto.

”Verificamos que o custo-benefício não valeu a pena. Poucas decisões tomadas tiveram a influência do assistente adicional. Para os nossos árbitros internacionais, estava sendo criado um hábito que eles não encontram nas competições da Fifa e da Conmebol”, disse Sérgio ao site do Lance!.

O valor recebido por cada assistente era de R$ 500 por partida, deixando de lado os custos com passagens e hospedagens.

”Era uma coisa que estávamos avaliando desde o início do ano. Ouvimos os árbitros e eles concordam. Alguns ressaltaram que, pelo fato dos adicionais serem mais jovens, não tinham muita confiança em jogos importantes” completou.

Em partidas decisivas do Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil, os árbitros atrás do gol podem voltar a aparecer, mas não de forma permanente.

(Visited 110 times, 1 visits today)

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

0 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 0 Flares ×