Blog do Celino Neto

Del Nero elogia calendário e responde as insinuações de Felipão: ”Esse é um chororô, faltou planejamento, capacidade”

8 Flares Facebook 1 Twitter 7 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 8 Flares ×
 Atual presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF) e sucessor de José Maria Marin na presidência da CBF, Marco Polo Del Nero não poupou criticas ao seu até pouco tempo ‘empregado’ Luiz Felipe Scolari, que treinava a Seleção Brasileira na Copa do Mundo e agora comanda o Grêmio.

Felipão fez duras criticas, há pouco mais de uma semana, após ser derrotado pelo Corinthians fora de casa, praticamente dando adeus a vaga na Libertadores. O ex-técnico da seleção chegou a insinuar um suposto complô para facilitar times de São Paulo e dificultar os gaúchos.

Em entrevista à Rádio Globo nesta segunda-feira, Del Nero respondeu as criticas e se mostrou muito irritado com as acusações de Scolari.

”Ele nos conheceu. Sabe como trabalhamos aqui na Confederação Brasileira de Futebol. Mas esse é um chororô do senhor Felipe Scolari. Aliás, esse é um tema que temos de discutir bastante, porque os técnicos gostam de agredir as competições dizendo que o calendário é péssimo. Ora, foi péssimo para ele, que ficou no último lugar, mas foi bom para o Cruzeiro, né? Será que ele planejou, trabalhou? Faltou planejamento, capacidade. Aliás: faltou treinamento”, disse o dirigente.

Del Nero chegou a relembrar o rebaixamento do Palmeiras no ano de 2012, que teve Felipão na maior parte da campanha. ”Se ele tivesse treinado melhor a equipe dele, talvez ela não tivesse sido rebaixada, ou teria sido rebaixada com mais dificuldade”, afirmou.

”O que eu vejo nesses treinadores que reclamam é que eles perdem os postos que gostariam de conquistar e culpam alguém. Culpam a arbitragem, a CBF. Só falta culparem Deus”, criticou.

Del Nero irá assumir como presidente da CBF em abril de 2015, antes de finalizar a entrevista ele admitiu que ficou magoado com as declarações de Felipão.

”Um homem que viveu a Confederação Brasileira de Futebol, que conhece o presidente, o vice-presidente, não poderia ter falado isso, não. Ele não poderia reclamar, porque não viu nada de errado e porque nós não fazemos nada de errado. Ele sabe que o futebol é jogado seriamente e que arbitragem é séria. Ela erra, mas erra menos do que os jogadores. Ele devia treinar melhor os seus jogadores do que reclamar da CBF”, finalizou.

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

8 Flares Facebook 1 Twitter 7 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 8 Flares ×