Blog do Celino Neto

Mil partidas de futebol podem ter sido manipuladas desde 2009, Brasil tem alto risco a prática

78 Flares Facebook 2 Twitter 75 Google+ 1 LinkedIn 0 Pin It Share 0 78 Flares ×

 Cerca de mil partidas da elite do futebol mundial podem ter tido seus resultados manipulados desde 2009! Isso mesmo que você acabou de ler, segundo a ”SportRadar”, principal empresa de monitoramento de apostadores no futebol, que fornece seus serviços para a UEFA e diversas ligas europeias.

Segundo a empresa, o número não inclui uma avaliação especificamente do Brasil, porém considera o futebol brasileiro como de “alto risco” quando se trata de manipulação de resultados.

Desde o ano de 2009, 40 mil partidas foram examinadas pelos especialistas da ”SportRadar”. Entre estas mais de 1,4 mil foram consideradas como suspeitas. O trabalho da empresa focou em apenas 997 partidas que tiveram resultados “altamente suspeitos”, e o principal temor é que estas partidas tenham sido compradas por apostadores que, ao saber do resultado, fazem aplicações milionárias em casas de apostas da Ásia, mercado altamente vulnerável a este tipo de ação.

Quando se pensa em manipulação de resultado, pensamos em futebol semi-amador, ou mesmo divisões inferiores, algo desmentido pelo levantamento. As suspeitas são de que grupos criminosos atuariam de forma três vezes mais intensa nas primeiras divisões que em ligas inferiores. Cerca de 78% dos casos registrados envolvem jogos das primeiras divisões.

Ainda segundo o levantamento da ”SportRadar”, 88% dos casos suspeitos se referem a jogos de campeonatos nacionais na Europa, América do Norte, Oceania e Ásia.

Além disso, 6% seriam casos de jogos internacionais de clubes e outros 6% envolvem seleções nacionais. Futebol feminino ou categorias de base envolvem cerca de 1% dos casos.

A empresa afirma que nunca foi contactada pela CBF(Confederação Brasileira de Futebol) ou por nenhuma federação regional brasileira para fazer um exame da situação no País.

E ainda alerta que o Brasil está entre os países de “risco”, pois em casas de apostas da Ásia, colocam dinheiro até em resultados da segunda divisão do Campeonato Paulista, o que somando com a dificuldade financeira da maioria dos clubes pode ser perigoso.

Poucos ”chefões” do mundo mafioso do esporte foram pressos, o mais recente foi Wilson Raj Perumal, que confessou ter manipulado mais de cem partidas, entre estas até amistosos preparatórios para a Copa do Mundo de 2010.

No final de 2014, a suspeita de manipulação de resultados na segunda divisão da França causou uma crise no esporte local, após sérias acusações de compras de resultados entre clubes. A Itália também já foi alvo de grande escândalo de manipulação no futebol, este que chegou a rebaixar gigantes como a Juventus, e clubes como Lazio, Fiorentina e Milan começaram a Serie A com pontuação negativa.

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

78 Flares Facebook 2 Twitter 75 Google+ 1 LinkedIn 0 Pin It Share 0 78 Flares ×