Blog do Celino Neto

O título vascaíno que dá alicerce para a reconstrução!

5 Flares Facebook 0 Twitter 4 Google+ 1 LinkedIn 0 Pin It Share 0 5 Flares ×

 Se no inicio de 2015 questionassem a maioria dos torcedores cariocas e brasileiros qual seria o campeão estadual do Rio de Janeiro, diria que seriam poucos que não apostariam na dupla Fla-Flu, pelo elenco, tempo de trabalho dos treinadores e momento menos turbulento. Botafogo? Atual rebaixado e sem ninguém no elenco? Que nada! Vasco? O mesmo que acabou de voltar da Série B sem sequer ser campeão? Impossível! Afirmo com certeza que mesmo os mais fanáticos torcedores vascaínos tinham uma pulga atrás da orelha pelo momento que o time vivia.

Técnico? A primeira aposta seria Marquinhos Santos, do Coritiba, não deu, os rivais tiraram sarro e veio Doriva, atual campeão paulista com o Ituano. Uma aposta de Eurico Miranda que poderia dar certo ou ser mais uma daquelas decepções… Com novas peças no elenco e outras remanescentes da Série B 2014, o time foi se ajeitando, conseguiu um padrão tático modesto mas eficiente e consequentemente enfrentar os rivais, ainda na fase de classificação, de igual para igual. Venceu o Fluminense jogando bem, 1 a 0. Perdeu do Flamengo jogando de igual para igual num clássico parado pela chuva, e por fim empatou com o Botafogo em 1 a 1.
Chegou na fase final e o destino colocou o maior rival pela frente, aquele que conquistou o título em 2014 com um gol impedido e no final disse ”Engole o choro” e o ”Choro é livre”, pois bem, em duas partidas muito disputadas, com pouco futebol e muita rivalidade a flor da pele, o Vasco eliminou o Flamengo e chegou a grande final, desta vez podendo repetir o mesmo ”Engole o choro” e o ”Choro é livre” que os Rubo-negros diziam com o sorriso no rosto.
Na final o Cruzmaltino tinha pela frente outro time que começou como uma incógnita e conseguiu fazer uma bela campanha, o Botafogo. Com duas vitórias no Maracanã, os comandados de Doriva conquistaram o título do Campeonato Carioca após 12 anos.
Um título Carioca que tem uma enorme importância para o Vasco da Gama, o time que mais mereceu esta conquista e também que mais precisava, pois num ano de volta à Série A, a conquista do Campeonato Carioca, principalmente após mais de uma década de ‘seca’, é mais que importante, é a garantia que a diretoria Cruzmaltina, assim como Doriva, terão tempo e um alicerce para uma reconstrução do time de São Januário, que hoje não tem elenco para conquistar o Campeonato Brasileiro e nem conseguir vaga na Libertadores, mas com o tempo poderá ter… O respeito voltou? Sinceramente acho que nunca havia ido embora, mas sem dúvidas o time incomodou seus rivais, agora precisa começar a pensar em incomodá-los não só no Rio de Janeiro, também como no cenário nacional.

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

5 Flares Facebook 0 Twitter 4 Google+ 1 LinkedIn 0 Pin It Share 0 5 Flares ×