Blog do Celino Neto

De vitória em vitória o Flamengo vai subindo na tabela, sem encantar mas com muita eficiência

3 Flares Facebook 0 Twitter 3 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 3 Flares ×

flamengo-blogdocelinoneto-arrancada-paolo-guerrero

Nas últimas cinco partidas do Flamengo, foram quatro vitórias e apenas uma derrota(diante do Corinthians, no Maracanã), se limitarmos os resultados com a presença de Paolo Guerrero em campo a estatística é ainda melhor, 100% de aproveitamento com três gols do centroavante peruano e uma assistência.

Vitória por 2 a 1 sobre o Internacional no Beira-Rio; Derrota diante do Corinthians no Maracanã, sem o Guerrero em campo; Triunfo sobre o Náutico pela Copa do Brasil por 2 a 1; Vitória sobre o Grêmio por 1 a 0 no Maracanã e agora mais três pontos para o Rubro-negro carioca, desa vez diante do Goiás no Serra Dourada, sem gol do novo ídolo da torcida flamenguista, mas com uma bela assistência. O gol do triunfo foi marcado por Marcelo Cirino, que enfim começa a ‘esboçar’ um melhor futebol.

O Flamengo comandado por Cristóvão Borges vem ‘amadurecendo’ a cada partida, dá para perceber nitidamente o time evoluindo defensivamente e ofensivamente, o problema continua sendo a criatividade no meio de campo, onde existe esperança com a chegada de Ederson. A falta de criatividade resulta na enorme dependência do time aos contra-ataques com Everton, Gabriel, Cirino ou Emerson Sheik. As seguidas vitórias acabam aliviando a cobrança por um melhor futebol, obviamente é animador para a torcida enfim ver o time se distanciar da zona de rebaixamento neste Campeonato Brasileiro. Hoje, a distância que separa o Flamengo do Goiás, primeiro time dentro do Z-4, é de nove pontos.

E é esta posição menos ‘preocupante’ que resulta em novos objetivos para o time, que momentaneamente não é o título ou vaga na Libertadores, mas sim a parte superior da tabela. Se as vitórias persistirem, e o Flamengo conseguir chegar à sétima ou sexta colocação, ai sim, poderá começar a pensar em algo mais, que seria o G-4. O caminho ‘menos difícil’ para chegar a Libertadores continua sendo a Copa do Brasil, aproveitando o fator casa e se segurando no meio de tabela no Brasileirão, para brigar pelo título num torneio mata-mata.

Saindo das ‘contas’ e voltando para dentro de campo, o time ainda não está jogando em seu maior potencial, porém as vitórias dão mais que uma segurança na tabela… Dá uma confiança aos jogadores e principalmente tempo para o técnico Cristóvão, sempre muito pressionado pela escalação(que acho equivocada) de três volantes e a cobrança por melhor futebol. O Flamengo é aquele time que não joga bem, tem potencial para evoluir e por conta das vitórias vem conquistando tempo e paciência da torcida para tal feito.

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

3 Flares Facebook 0 Twitter 3 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 3 Flares ×