Blog do Celino Neto

O IMPEACHMENT ESTÁ PRÓXIMO?! Veja os meios que podem derrubar Dilma Rousseff

26 Flares Facebook 7 Twitter 18 Google+ 1 LinkedIn 0 Pin It Share 0 26 Flares ×

dilma-rousseff-impeachment-blog-do-celinoneto-caindo

Dilma Rousseff balança, e balança muito, a nossa ”incompetenta” presidenta sapiens está cercada por todos os lados e motivos para o Impeachment da mesma não falta. Não subestimo a inteligência dos leitores deste blog, por isto ultrapasso a discussão patética de ”Impeachment é golpe!”, pois creio que qualquer cidadão minimamente informado e decente, e é claro, não doutrinado/cego, sabe que um pedido de impeachment de golpe não tem nada, está na constituição, que deve ser seguida, principalmente quando um país ainda é democrático e não já está tomado pelo totalitarismo. Ou você já ouviu falar de Impeachment do Raúl Castro ou do Kim Jong-un? Obviamente que não.

Pois bem, passamos pela primeira barreira da ignorância total sobre o assunto, vamos aos fatos: Dilma Rousseff não vai completar o seu mandato… E isto está cada vez mais obvio, e podemos chegar a conclusão pelo número de vias em que este governo pode cair, todas constitucionais e devidamente democráticas.

Por isto trago neste post os meios em que Dilma pode cair, como diria Jack, o Estripador(ou Elize Matsunaga, se preferir), vamos por partes:

Renúncia

Muitos garantem que Dilma Rousseff não tem a mesma competência de renunciar ou acabar seu mandato como Getúlio, além do mais, alguém acha que o PT não tentará qualquer coisa para permanecer no poder? Se para Lula uma renúncia de sua ‘criada’ seria vantajosa à algumas semanas, hoje, com a Lava-Jato cada vez mais perto, seria um péssimo negócio. E convenhamos, uma líder de república que mal consegue formar frases decentemente não teria tamanha coragem/discernimento. Mesmo sendo aquela com a pior aprovação em todos os tempos.

TSE

O Tribunal Superior Eleitoral pode cassar o mandato de campanha de Dilma Rousseff, se forem comprovadas doações ilegais que financiaram sua campanha em 2014. A representação foi feita pelo PSDB, de acordo com o parágrafo 2º do artigo 30-A da Lei Eleitoral (Lei 9.504/1997), segundo: ”comprovados captação ou gastos ilícitos de recursos, para fins eleitorais, será negado diploma ao candidato, ou cassado, se já houver sido outorgado”.

Existe algo em que os petistas ficaram animados nos últimos dias e que devemos ficar de olho, o atual corregedor geral da Justiça Eleitoral, João Otávio de Noronha, tem seu mandato encerrado no fim de setembro. A substituta será Maria Thereza de Assis Moura, que tem uma ‘inclinação’ pró-governo federal.

As doações de campanha de Dilma Rousseff já foram comprovadas ilegais pelo delator Ricardo Pessoa, dono da UTC. Mas a presidente não acredita em delatores, pelo menos não aqueles que a citam, mas somente aqueles que citam seus adversários políticos… Enfim, outras provaveis doações sujas para a nossa presidente sapiens vieram por meio das gráficas VTPB e a Focal, como uma lavagem de dinheiro saqueado da Petrobras.

TCU

Outro modo em que Dilma Rousseff pode cair é pelo Tribunal de Contas da União, o famoso TCU, que seria menos ‘doloroso’ ao PT, pois a maioria dos brasileiros nem sabe que este tipo de tribunal existe. Vamos ao fatos… Durante o ano de 2014, o governo federal ‘maquiou’ suas contas, resultando nas famosas ”pedaladas fiscais”. E o TCU, órgão responsável pelos gastos do governo, terá de julgar as contas, aprovando ou rejeitando as mesmas.

O que são as Pedaladas Fiscais? Em uma maneira simples de explicar, é uma forma do governo omitir os gastos que extrapolaram sua meta fiscal. O governo Dilma é acusado de atrasar o repasse de recursos para os benefícios sociais e subsídios pagos por meio da Caixa Econômica Federal, do Banco do Brasil e do BNDES para poder ‘maquiar’ e fingir que suas contas estão melhores do que a realidade.

Cerca de R$ 40 bilhões do seguro-desemprego, programa Minha Casa, Minha Vida, Bolsa Família, Programa de Sustentação do Investimento (PSI) e crédito agrícola, foram atrasados pelo Tesouro Nacional, que não pagou aos bancos. Fazendo assim que as contas do governo ficassem ‘equilibradas’, pois não houve o pagamento em questão. Não houveram atrasos para aqueles que esperavam o pagamento desses bilhões de reais em benefícios e subsídios para seus beneficiários, pois os bancos públicos cobriram esse valor, cobrando juros pelo uso de tais recursos.

Segundo o TCU este tipo de manobra, onde os bancos públicos ”emprestam” dinheiro ao Tesouro Nacional é considerado um crime fiscal. Proibida pela Lei de Responsabilidade Fiscal, de 2000.

Outros fatores importantes:

 

Operação Lava-Jato

Sérgio-Moro-575x200

Se não fosse pela condução exemplar do juiz Sergio Moro, procuradores da Operação Lava-Jato e o MP, toda a pressão, não só no PT e na Dilma Rousseff, como em toda a classe política brasileira, seria muito menor. A maior estatal brasileira não poderia deixar de ser um grande chamado à corrupção, e a investigação que começou na Petrobras e revela a cada semana mais casos estarrecedores, é de importância fundamental na queda de Dilma. Esta que se encontra totalmente cercada, com a água no pescoço e tendo que ficar na ponta dos pés.

O inimigo do seu inimigo pode ser seu aliado

2015-796094942-2015-795856295-2015030344974.jpg_20150303.jpg_20150304

O título acima já diz tudo… E hoje, quando os petistas vão rezar para ‘São’ Lula, pedem sua proteção justamente de Eduardo Cunha, que preside a Câmara dos Deputados e já revelou que agora é oposição ao governo federal e ainda que vai analisar os pedidos de Impeachment na volta das férias. Eduardo Cunha não é nenhum ”santo político”, isso é obvio e muito claro, mas atualmente seu dano é muito menor que o vírus instalado há mais de doze anos no poder. Hoje, Cunha é inimigo do maior inimigo brasileiro.

Pressão Popular

ManifestacaoAntiDilmaEPTBlogdoCelinoNeto

O dia 16 de agosto está chegando e não podemos negar que a pressão popular daria um upgrade a qualquer um dos meios que podem derrubar Dilma Rousseff. O povo saindo às ruas é algo que político não gosta de ver, por tanto o interesse em ‘acalmar’ esta população cresce… Ainda é o povo que elege aqueles que estão no poder e governar sob a vigilância dos mesmos não agrada nenhum neste Congresso.


Veja também: – O Brasil sente o resultado do ”Governo novo, ideias novas”

Veja a lista de cidades confirmadas para a manifestação de 16 de agosto pelo Impeachment de Dilma Rousseff

A partir do momento em que o cidadão faz a afirmação que o ”Impeachment é golpe”, ele se torna um golpista, simplesmente pois trata como vitima um governante irregular, corrupto e consequentemente criminoso. O cidadão que chama de golpista quem pede o impeachment é tão ignorante/mal caráter ao ponto de querer atropelar a constituição. Podemos considerar o Impeachment de Fernando Collor um golpe? Este ”golpe” que foi apoiado pelo próprio PT, o mesmo partido que hoje é aliado do corrupto senador alagoano… É muita hipocrisia para um partido só!

E para finalizar o post, vamos assistir um vídeo do ”São” Lula, aquele que descobriu o Brasil, segundo os petistas, no ano de 2003:

 

(Visited 172 times, 1 visits today)

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

26 Flares Facebook 7 Twitter 18 Google+ 1 LinkedIn 0 Pin It Share 0 26 Flares ×