Blog do Celino Neto

Dilma encurralada e longe de Temer, o Impeachment é questão de tempo!

0 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Dilma-Rousseff-Michel-Temer-2015-Blog-do-Celino-Neto

O cenário político dá voltas, e neste momento, Dilma Rousseff está ainda mais próxima do Impeachment. Um dos principais motivos é que a mesma não tem mais Michel Temer ao seu lado, o vice-presidente da república e principal meio da petista ‘dialogar com o PMDB’ está deixando a articulação política do governo, ou seja, a espécie de ”pacto de não agressão” feita no inicio do mandato para ‘domar’ o PMDB.

Com Eduardo Cunha já declaradamente na oposição, Dilma tem à Renan Calheiros… Mas o que podemos tirar de positivo de uma pessoa que ”tem Renan ao seu lado”? Absolutamente nada, o senador alagoano é flexível e tende a se apoiar ‘no time que está ganhando’.

Outro fator importante, é que os tucanos enfim saíram de cima do muro e começaram a agir, após doze anos, como uma verdadeira oposição.

Veja também: Após doze anos o PSDB enfim acordou e começa a agir como oposição?!

Dilma Rousseff também, enfim, terá suas doações para a campanha presidencial investigadas por Rodrigo Janot. A determinação do ministro Gilmar Mendes afunda ainda mais a atual situação da presidenta sapiens, pois qualquer cidadão comum que tente ‘investigar’ de onde veio as doações para a campanha consegue perceber monstruosidades de irregularidade, como por exemplo(trecho retirado do ótimo site O Antagonista):

Gilmar Mendes citou uma série de elementos que indicam a receptação de dinheiro roubado por parte da campanha de Dilma Rousseff:

1) Os 13,6 milhões de reais repassados por João Vaccari Neto a Edinho Silva

2) Os 7,5 milhões de reais que Ricardo Pessoa foi constrangido a entregar à campanha de Dilma Rousseff

3) Os 47,5 milhões de reais doados por empreiteiras denunciadas na Lava Jato

4) Os 23,9 milhões de reais pagos por Dilma Rousseff à empresa de fachada Focal, de Carlos Cortegoso

5) Os 22,9 milhões de reais dados por Dilma Rousseff à gráfica fantasma VTPB, de Beckembauer Rivelino

6) A propina que o operador Milton Pascowitch repassou ao blog Brasil 247

Isso já é o bastante para garantir o impeachment, mas O Antagonista recomenda investigar também:

7) A CRLS, que embolsou dinheiro roubado do Ministério do Planejamento e que pertence ao mesmo dono da Focal

8) A mensagem apreendida pela PF no celular de Marcelo Odebrecht: “Meet PR – 200 inclui 100”

9) A outra mensagem interceptada no celular de Marcelo Odebrecht: “Dizer do risco cta suíça chegar campanha dela”

10) O dinheiro usado para pagar a campanha clandestina do PT na internet

11) Pasadena (e, nesse caso, é preciso ouvir o depoimento de Nestor Cerveró)

12) Os 300 mil dólares de propina pagos pela holandesa SBM à campanha de Dilma Rousseff

Ou seja, a população, hoje, tem mais uma forma de se livrar da desastrosa presidente da república, além de cassação de mandato, pedaladas fiscais, a desastrosa Dilma Rousseff tem indícios claríssimos de ter sido eleita com dinheiro sujo, ou seja, roubado da Petrobras e repassado a campanha eleitoral por diversas empresas, principalmente gráficas fantasmas e empreiteiros ‘achacados’. No atual cenário temos Eduardo Cunha, Temer e PSDB cada vez mais unidos pró-Impeachment da presidente, além de partidos como DEM, PPS, PDT, PSB(?) e PTB na oposição. É um cenário de PT e base governista enfraquecida e PMDB cada vez mais próximo de assumir a presidência, é o atual cenário político… A palavra Impeachment não é mais palavrão no Congresso.

Mesmo se o PMDB voltar ao lado de Dilma, ela ainda está vulnerável, justamente por conta da ação de Gilmar Mendes e uma possível cassação de mandato… Não tá fácil para a incompetenta.

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

0 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 0 Flares ×