Blog do Celino Neto

Um alívio para Temer e um desastre para o PT, o afastamento de Eduardo Cunha

0 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Temer

Quem será o novo responsável pela crise que o pais vive segundo as narrativas fantasiosas do Partido dos Trabalhadores? Vamos conhecer um novo corrupto para ser taxado como vilão da pátria e demônio em forma de pessoa? Qual será o novo alvo para tentar isentar a culpa da organização criminosa travestida de partido político que é o PT? O fato é que a corda que sustentava(para alguns) o partido criador do maior esquema de desvio de recursos públicos da história como uma “oposição à corrupção” foi partida. Eduardo Cunha cai e toda a bagagem negativa em sua imagem vai junto, é uma chance e tanto para Michel Temer, aliviado com esta decisão, escolher o caminho certo para fazer um governo de transição nos próximos dois anos. Um verdadeiro pesadelo para o Partido dos Trabalhadores, pois seu único alvo concreto não existe mais e terá que, desesperadamente, buscar um novo malvado para transferir a sua culpa pelo desastre que vive o país.

Outro fato maravilhoso é que a Câmara não deverá ter dificuldades em expurgar Waldir Maranhão, que não tem popularidade entre os deputados para se sustentar no poder, está envolvido na Lava-Jato, além de haver fortes “rumores” da venda de seu voto ao governo federal na seção do Impeachment, sonha em ser Senador e precisaria da ajuda do governo para tal feito, na próxima semana este governo não estará mais no poder, sorte do país e também do estado do Maranhão que não terá que lidar com este sujeito como senador.

Com Cunha na presidência da Câmara dos Deputados o futuro governo de Michel Temer teria que lidar com um Partido dos Trabalhadores usando o corrupto congressista como simbolo e substituto direto em ausência do presidente. Agora o substituto, temporariamente, é Waldir Maranhão que está longe de ser limpo mas não tem a mesma bagagem negativa de acusações que tinha Cunha. Ainda tentarão melar o Impeachment? Obviamente que sim. Ainda vão querer insistir na ladainha de “não haver legitimidade”? Obviamente que sim, pois o PT e seus militantes não tem qualquer compromisso com a democracia, o país, a constituição ou mesmo bom senso e vergonha na cara.

A militância de poucos neurônios falam em anular tudo o que Cunha já fez… Uma grande baboseira, os 39 pedidos de impeachment contra Dilma arquivados pelo ex-presidente da Câmara também terão que voltar a pauta? E quando a ilegítima Dilma Vana Rousseff sofrer o Impeachment todas as suas ações serão desfeitas? É incrível como o Partido dos Trabalhadores, nos últimos meses passou de um discurso cínico, psicopático e sem compromisso com a realidade para uma tentativa melancólica e patética de animar sua militância, escancarando seu gangsterismo.

Mas o fato para ser comemorado é: Em pouco tempo Eduardo Cunha deverá estar nas mãos de Sergio Moro, assim como Luis Inácio Lula da Silva, Dilma Vana Rousseff, e toda a organização criminosa petista daqui, e eles poderão, finalmente, responder pelo maior escândalo de corrupção da história. Nomes como o de Eduardo Cunha surgiram graças a essa falta de compromisso do Partido dos Trabalhadores com o mínimo de dignidade política, com esta corrupção institucionalizada e generalizada, em que a poucos meses um grande aliado, que fez campanha para seus governos, por cumprir a Constituição ao aceitar o pedido de Impeachment virou um “inimigo golpista”. O PT perdeu seu último alvo concreto e Temer ganha uma notícia espetacular, resta saber se irá começar governando como o exigido pelas ruas ou continuará com um dos males petistas nomeando Ministérios de maneira desastrosa.

EduardoCunhaIncomodaBlogdoCelinoNeto

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

0 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 0 Flares ×