Blog do Celino Neto

Juca Kfouri continua a se achar maior que a ESPN

0 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

A ESPN Brasil está completamente enlameada, o canal ESPORTIVO virou sinônimo de encontro ideológico da extrema-esquerda, um verdadeiro escárnio para com a história da ESPN, e não precisa ir muito longe para se informar sobre, alguns minutos de Google e você vê o que trabalharam Scott e Bill Rasmussen para tornar o canal um dos mais importantes do mundo e um verdadeiro sinônimo de esportes em todo o mundo. Porém em sua filial do Brasil uma verdadeira terra de ninguém que, parece-me, o Sr. João Palomino(vice-presidente de jornalismo e produção da ESPN no Brasil) não consegue controlar ou está junto na lama com outros tantos. José Trajano e Juca Kfouri sempre foram sinônimos de jornalismo esportivo banhado de uma sujeira ideológica sem fim, e sempre atuaram no canal como verdadeiros donos, sem qualquer respeito pelos telespectadores ou pela empresa, afinal suas agendas políticas parece vir antes.

Trajano já deixou a empresa, mas Juca Kfouri continua lá, firme e forte e ignorando seu trabalho de comentarista esportivo para cumprir sua agenda ideológica. Confesso a vocês que já fui telespectador assíduo da ESPN, hoje graças as essas duas figuras(hoje só uma), simplesmente ignoro o canal e assisto, no máximo, eventos ao vivos e exclusivos. A Fox Sports, SporTV, Esporte Interativo e até mesmo canais de TV aberta sabem distinguir os esportes não só da política, mas da militância. A ESPN Brasil não! Cospem no nome consolidado e no legado de Scott e Bill Rasmussen ao tratar a emissora como um simples “mega-fone” para espargir da maneira mais repugnante sua militância.

No domingo, o Internacional foi rebaixado pela primeira vez em sua história após empatar por 1 a 1 com o Fluminense, o time terá que disputar em 2017 a Série B do Brasileirão. Um torcedor babaca tricolor resolveu “tirar sarro” de um colorado e quase agrediu o senhor que estava no metro junto com os meliantes, como você pode ver no vídeo abaixo:

Obviamente estes idiotas não representam a instituição Fluminense e sequer sua torcida, tanto que o clube resolveu presentear a vítima e pedir desculpas pelo ocorrido, maneira louvável de se resolver a questão:

Mas onde entra o Juca Kfouri nesta história? Simplesmente, ao comentar o ocorrido, Kfouri não podia deixar de lado sua agenda de difamação contra aqueles que discordam e que são adversários políticos de sua ideologia, assim afirmou que “Provavelmente são desses que saem por ai gritando o nome de Bolsonaro”, veja:

 

É simplesmente repugnante, um sujeito não conseguir deixar de lado sua agenda ideológica em nenhum momento, nem quando se comenta uma agressão verbal à um senhor de idade. Isso mostra que não existem limites morais para essa gente no momento de defender à extrema-esquerda, se pode tudo, mas o culpado são sempre aqueles que “defendem o Bolsonaro”, mesmo que o deputado nada tenha a ver com o ocorrido. É lamentável que a ESPN Brasil continue com profissionais como Juca Kfouri, de baixíssimo nível e sem qualquer respeito com a empresa que trabalha.

(Visited 3.881 times, 5 visits today)

Leave a Reply

Um comentário sobre “Juca Kfouri continua a se achar maior que a ESPN

  1. Antonio Luis

    Deprimente um sujeito desses, o mesmo que provavelmente defende a inocência de Lula, que disse não saber de nada, um assassino entrou na casa do cidadão X, roubou, estuprou e matou toda a família do pobre cidadão X na frente dele, a policia chega e pergunta ao cidadão X, ‘o que aconteceu?’, o cidadão X olha na cara do policial e diz, ‘eu não vi nada!’, foi exatamente isso que aconteceu no Brasil, nos roubaram, estupraram nossa economia, e estão matando milhões nas filas do SUS, simplesmente disseram, eu não sabia de nada, eu não vi nada, não me contaram nada…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

0 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 0 Flares ×