Blog do Celino Neto

O início do fim da Lava-Jato! A saída para o Brasil? O Aeroporto!

10 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 LinkedIn 10 Pin It Share 0 10 Flares ×

O fantástico Roberto Campos afirmou que as únicas saídas para o Brasil são o Galeão, Cumbica e o liberalismo. Tom Jobim já adotou um tom diferente, não era tão ‘otimista’ e afirmou que a única saída para nosso país é o aeroporto. Como não acredito que a maioria dos brasileiros num médio prazo sequer saberá o que é liberalismo, estou com o tijucano mestre da música e não com o cuiabano economista, diplomata e politico. O porquê é muito simples e ficou claro nas últimas semanas com a soltura de Bumlai, Adriana Ancelmo (mulher de Sérgio Cabral), Eike Batista e agora José Dirceu, o corrupto com maior número de provas pesando contra ele, e que cometeu crimes antes, durante e depois do julgamento do Mensalão e continuou sua vida criminosa até que foi preso pela Operação Lava-Jato, sim aquele mesmo que foi treinado pelo serviço secreto cubano agora está livre da prisão.

A Polícia Federal e o Ministério Público tem seus poderes, e por mais que tenham a melhor das intenções não tem a capacidade de bater de frente com o Supremo Tribunal Federal. Supremo este em que todos os ministros foram indicados por corruptos, ministros estes que deram uma lição ao brasileiro que é muito simples: Não importa quantos crimes você tenha cometido, se tem dinheiro e/ou poder político a Constituição será jogada no lixo.

O petismo consumiu as instituições brasileiras de tal forma que ‘apenas’ um juiz de primeira instância não pode combater. Sergio Moro foi magistral desde o inicio da Lava-Jato, mas todo seu trabalho começa a ser jogado no lixo por figuras como Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes! Esses três sujeitos que inciaram neste 2 de maio de 2017 o inicio do fim da Operação Lava-Jato. O grande cérebro e principal articulador do esquema petista se safou.

Nada mais didático que dois petistas e um tucano, mostrando que essa falsa oposição brasileira serve apenas para enganar aqueles que fecham os olhos para o obvio. PT e PSDB são farinha do mesmo “saco ideológico”, com diferenças apenas na forma em que agem. Dias Toffoli, advogado do PT e presidente do TSE durante a eleição mais suja e obscura das últimas décadas; Ricardo Lewandowski, esse dispensa comentários, sua biografia já é suja sem precisar de ajuda minha para comentar neste espaço; E por fim Gilmar Mendes, o tucano, aquele que enquanto a Operação Lava-Jato atingia apenas a organização criminosa travestida de partido político chamada PT estava feliz da vida, e agora, pós-delação da Odebrecht, está preocupado com seus parceiros se tornado o principal nome “anti-Lava-Jato”. Com direito a um esporro em seu voto e uma humilhação aos juízes de primeira instância que seria digno de Impeachment.

Edson Fachin e Celso de Mello foram aqueles que não compactuaram com a indecência. Votando pela permanência de José Dirceu atrás das grades. A maior preocupação do brasileiro honesto (não petista, não estou falando com torcida organizada de partido político como vocês), é justamente o futuro da operação que tem um apoio colossal das ruas. De nada adianta se os “guardiões da constituição” estão ao lado dos criminosos e farão de tudo para não deixar que a Operação Lava-Jato faça justiça e prenda aqueles que os indicaram. Por isto, qual o sentido de pedir para o chefe da organização criminosa ser preso quando a suprema corte não terá pudor em solta-lo.

A saída? É simples e já foi citada no inicio do texto: O Aeroporto!

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

10 Flares Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 LinkedIn 10 Pin It Share 0 10 Flares ×